Lula decreta intervenção federal no DF e promete “punição exemplar” aos financiadores do terrorismo em Brasília

Lula decretou intervenção no Distrito Federal – Foto: Reprodução/Band

O presidente Luiz Inácio Lula da Silva anunciou, neste domingo (8), a decretação de intervenção federal no Distrito Federal, em resposta, aos atos antidemocráticos que invadiram e depredaram os prédios dos Três Poderes em Brasília nesta tarde.

A ordem vale até 31 de janeiro. De acordo com o decreto, o objetivo é “pôr termo ao grave comprometimento da ordem pública”. O decreto nomeia Ricardo Garcia Cappelli para o cargo de interventor. “O interventor fica subordinado ao Presidente da República e não está sujeito às normas distritais que conflitarem com as medidas necessárias à execução da intervenção”, diz o decreto.

Lula, que está em Araraquara, no interior de São Paulo, para onde foi neste final de semana para acompanhar danos causados pelas chuvas na região, falou a jornalistas nesta tarde depois que manifestantes bolsonaristas avançaram pela Esplanada dos Ministérios e invadiram o Congresso Nacional, em protestos antidemocráticos que contestam o resultado das eleições de outubro.

Confira o decreto, na íntegra:

Compartilhar

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *