MPF instaura inquérito para apurar falta de médicos e mortes de pacientes no Hospital Universitário Júlio Bandeira, em Cajazeiras

O Ministério Público Federal instaurou o inquérito civil público, nº 1.24.002.000233 para apurar a falta de médicos e mortes no interior do Hospital Federal Universitário Júlio Bandeira (HUJB) em Cajazeiras, no Sertão da Paraíba.

O inquérito foi instaurado a partir de Ofício de Autoridade Policia, em Cajazeiras, que encaminhou Termo de Declarações do médico Gentil Paiva de Oliveira Junior, bem como cópias dos Boletins de Ocorrência n° 059/22 e 130/22, narrando fatos ocorridos no interior do Hospital, relativos à falta de médicos no setor de clínica médica em 05 de março de 2022, data em que ocorreu a morte de uma paciente, e no setor de pediatria na data de 22 de março 2022.

Em abril de 2022, no interior, nosocômio administrado pela Universidade federal de Campina Grande, uma criança residente na cidade de Triunfo, foi internada com fortes dores abdominais. Na época, a família alegou que o HUJB demorou para autorizar a transferência da criança, que veio a óbito.

O inquérito, que investiga possível negligência no HUJB, foi instaurado pelo Procurador da República, Anderson Danillo Pereira Lima.

Portal Sertão

Compartilhar

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *