Poço José de Moura supera São João do Rio do Peixe em número de coordenadores, nada mais, nada menos, que 49 coordenações nas mais variadas nomenclaturas e remunerações, que variam entre R$ 550, R$ 601, R$ 675, até R$ 1.151.

O pequeno município de Poço José de Moura que possui segundo dados do IBGE pouco mais 4,3 mil habitantes vem sendo muito bem coordenado nos últimos anos. A constatação pode ser feita analisando dados do SAGRES sistema de acompanhamento do Tribunal de Contas do Estado (TCE).

O pequeno município possuía em 2021 em sua folha de pessoal, nada mais, nada menos, que 49 coordenações nas mais variadas nomenclaturas e remunerações, que variavam entre R$ 550, R$ 601, R$ 675, até R$ 1.151.

Mais curioso ainda é que a prefeitura da “Princesinha do Sertão” chegou a superar o número de coordenações existentes em São João do Rio do Peixe no mesmo ano, pois o maior município do Vale do Rio do Peixe contava apenas com 31 coordenações, segundo o SAGRES.

Como os dados de pessoal de 2022 e 2023 ainda não constam na ferramenta, não é possível saber se o prefeito Paulo Brás já diminuiu ou aumentou o número de coordenadores, mas uma coisa é certa, não seria por falta de coordenações que o Poço sairia das coordenadas.

PainelpoliticoPB

Compartilhar

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *