Secretaria de Educação de São José de Piranhas anuncia medidas para reforçar segurança nas escolas

A Prefeitura de São José de Piranhas, através da Secretaria de Educação, informa que está adotado medidas preventivas para manter a segurança nas unidades de ensino do município em razão de ataques que têm ocorrido no estado e no país.

Em entrevista ao Programa Radar Cidade, na noite desta quarta-feira (12), a secretária Fabiana Alves disse que como medida emergencial de prevenção, o prefeito Bal Lins autorizou um pacote de ações para resguardar a segurança de alunos, professores e funcionários nas escolas e creches do município.

Para isso, já no início do ano, a Prefeitura instalou Detector de Metal na maior escola da rede municipal, o Instituto Antônio Lacerda Neto, e já está providenciando processo licitatório para aquisição de portas giratórias para serem instaladas nos estabelecimentos de ensino.

Outra medida tomada é a instalação de Circuito de Câmeras em todas as escolas municipais e está sendo contratada uma empresa para elaboração de projeto de segurança contra incêndios, para isso, já foram adquiridos e instalados extintores em todas as unidades escolares do Sistema Municipal.

“Nós temos buscados alternativas e procurado minimizar problemas que poderão vir acontecer e na verdade é por isso que a Prefeitura Municipal, através da Secretaria de Educação, está fazendo um trabalho preventivo”, comentou Fabiana.

Além dessas iniciativas, a Secretaria de Educação protocolou ofício junto à 3ª Companhia de Polícia Militar, que tem como comandante o Major Hugo Nascimento, e solicitou roda policial nas escolas. “A solicitação já foi atendida hoje mesmo com o envio de guarnições para visita in loco nas escolas. Então eu aproveito para dizer aos pais que a PM é uma parceira nossa nos estabelecimentos de ensino, não vejam apenas como um órgão repressor é para ajudar na segurança de todos”, disse a secretária.

Fabiana lembrou que tendo em vista os últimos acontecimentos de ameaças, com fake news sobre ataques nas escolas de todo o país, faz-se necessário que sejam traçadas estratégias de prevenção para que esse tipo de acontecimento não venha ocorrer em São José de Piranhas. “Já estamos dialogando com as escolas para que seja elaborado um plano de segurança, tudo de acordo com a lei, com o Estatuto da Criança e do Adolescente (ECA), para coibir práticas de insegurança nas escolas”, Concluiu

Por Dida Gonçalves
Radar Sertanejo

Compartilhar

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *